top of page

6º Festival Santa Cruz de Cinema anuncia filmes selecionados para sua Mostra

Reunindo obras de várias partes do País, evento acontece de 24 a 27 de outubro com realização do Sistema Fecomércio-RS/Sesc, Unisc e Pé de Coelho Filmes


Festival de Santa Cruz- Crédito: Luís Alexandre Silva de Oliveira
Festival de Santa Cruz- Crédito: Luís Alexandre Silva de Oliveira

o 6º Festival Santa Cruz de Cinema, em Santa Cruz do Sul (RS), anunciou os 18 filmes selecionados para sua Mostra. A edição atingiu recorde de inscritos, com 695 obras advindas de 25 estados brasileiros e do Distrito Federal. A lista final, com trabalhos realizados no Espírito Santo, Mato Grosso, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Roraima e São Paulo, pode ser conferida abaixo.

O Festival Santa Cruz de Cinema é realizado pelo Sistema Fecomércio-RS/Sesc em parceria com a Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc) e a Pé de Coelho Filmes. O evento possui Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura, patrocínio da JTI, da Prefeitura Municipal de Santa Cruz do Sul e da Corsan, e apoio institucional da Locadora Filmes do Bem.

“Nós da organização ficamos positivamente surpresos com a quantidade de filmes inscritos nesta edição, pois isso demonstra o crescimento do evento e a confiança dos cineastas. Foi um longo processo de seleção, com muitas obras de qualidade, para que fosse possível eleger os 18 filmes selecionados para participar”, destaca o organizador do evento e professor da Unisc, Rudinei Kopp.


Festival de Santa Cruz- Crédito: Luís Alexandre Silva de Oliveira
Festival de Santa Cruz- Crédito: Luís Alexandre Silva de Oliveira

A 6ª edição do Festival vai acontecer de 24 a 27 de outubro de 2023 em Santa Cruz do Sul. As exibições dos filmes selecionados serão realizadas no Auditório Central da Unisc com entrada franca e aberta ao público geral. Após três noites dedicadas às exibições, a última será destinada à cerimônia de premiação. O Troféu Tipuana será entregue nas seguintes categorias: Melhor Filme, Melhor Filme Gaúcho, Melhor Roteiro, Melhor Direção, Melhor Direção de Fotografia, Melhor Direção de Arte, Melhor Atriz, Melhor Ator, Melhor Montagem, Melhor Desenho de Som, Melhor Trilha Sonora e Melhor Filme pelo Júri Popular. Além dos troféus, a empresa Filmes do Bem vai viabilizar dois prêmios de R$25 mil em aluguel de equipamentos aos ganhadores de Melhor Filme e Melhor Direção de Fotografia, iniciativa que tem o objetivo de impulsionar a produção de obras brasileiras.

Ao público, a programação contará com debates com os cineastas e oficinas na área do audiovisual. A edição também vai homenagear o ator carioca Thiago Lacerda com o Prêmio Tuio Becker por sua relevante contribuição ao cinema brasileiro. Outras informações sobre o evento podem ser conferidas nas redes sociais oficiais do Festival Santa Cruz de Cinema.

Há 77 anos, o Sistema Fecomércio-RS/Sesc/Senac está próximo da comunidade e das empresas gaúchas em prol do desenvolvimento, da felicidade e da mudança. Oportunizar mais acesso à cultura, ao esporte, à saúde, ao lazer, à assistência e à educação é a prioridade dos serviços oferecidos pelo Sesc e pelo Senac no Estado. Além disso, com o apoio dos sindicatos empresariais filiados, a Fecomércio-RS oferece ações que incentivam o empreendedorismo e o crescimento dos negócios do setor terciário.

6º Festival Santa Cruz de Cinema – Filmes selecionados

Data: 24 a 27 de outubro

Local: Auditório Central da Unisc (Av. Independência, 2293 - bloco 24 - Universitário, Santa Cruz do Sul)

Filmes selecionados: A última vez que ouvi Deus chorar, de Marco Antonio (MG) A velhice ilumina o vento, de Juliana Segóvia (MT) Buscapé, de Fred Luz (RS) Carcinização, de Denis Souza (RS) Chove lá fora, de Mirela Kruel (RS) Coletânea de histórias extremamente curtas, de Pedro Villaça (SP) Deixa, de Mariana Jaspe (RJ) Deus não deixa, de Marçal Vianna (RJ) Dinho, de Leo Tabosa (PE) Ela mora logo ali, de Rafael Rogante e Fabiano Barros (RO) Ernesto, de Fernanda Roque (MG) Marreta, de André Fidalgo (SP) Noturna, de Gabriela Poester (RS) Pássaro Memória, de Leonardo Martinelli (RS) Rasgão, de Victor di Marco e Márcio Picoli (RS) Remendo, de Roger Ghil (ES) Sabão Líquido, de Fernanda Reis e Gabriel Faccini (RS) Travessia, de Gabriel Lima (RJ)


8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page