top of page
  • Foto do escritorLagoaNerd/Karen

Cinema para todo mundo: “Quantos dias. Quantas noites” estreia com sessões gratuitas por uma semana

Iniciativa acontece em São Paulo e Brasília (Itaú Cinemas), Rio de Janeiro (Estadão NET de Cinemas), Belo Horizonte (Una Belas Artes) e Salvador (Cine Metha Glauber Rocha)

Imagem de divulgação de “Quantos dias. Quantas noites”. Produção: Maria Farinha Filmes
Imagem de divulgação de “Quantos dias. Quantas noites”. Produção: Maria Farinha Filmes

Nesta quinta-feira, 12 de outubro, estreia o documentário “Quantos dias. Quantas noites”, de Cacau Rhoden, (“Nunca Me Sonharam”, “Tarja Branca”), produzido pela Maria Farinha Filmes e idealizado por Marta Pipponzi.


Como parte de uma ação para democratizar o acesso das pessoas aos cinemas, o filme terá sessões gratuitas diariamente nos cinemas parceiros entre 12 e 18 de outubro. Os ingressos podem ser retirados nas bilheterias uma hora antes de cada sessão, nas cinco praças de exibição: São Paulo e Brasília (Itaú Cinemas), Rio de Janeiro (Estadão NET de Cinemas), Belo Horizonte (Una Belas Artes) e Salvador (Cine Metha Glauber Rocha).


“Para a Maria Farinha, uma das partes mais importantes do entretenimento de impacto é inovar para engajar mais audiências nos assuntos que impactam a vida em sociedade. Sabemos que ir aos cinemas com frequência, não é uma possibilidade financeira para muita gente, então desenhamos um modelo com os cinemas, patrocinadores e parceiros para abrir as salas gratuitamente na primeira semana. A prioridade é dar oportunidade para diversas audiências se conectarem com o movimento deste filme", comenta Luana Lobo, co-CEO da Maria Farinha Filmes.


“Quantos dias. Quantas noites” realiza um profundo mergulho nos propósitos da nossa existência no planeta. Especialistas e pensadores nos convidam a enxergar as oportunidades e as desigualdades nesse tema, além da nossa própria conexão com o tempo e com a idade. O filme conta com patrocínio de Rede Itaú e RD - RaiaDrogasil. Seu lançamento conta com o apoio institucional do movimento global Ashoka e do UNFPA, agência da ONU para saúde sexual e reprodutiva, direitos, população e desenvolvimento. A produção tem ainda o apoio do Instituto Beja, do Movimento InFinito, da Plenae e da Associação São Joaquim, além de cerca de 32 instituições que atuam no tema e em rede para a campanha.


*Salas sujeitas à lotação. Verifique a programação nos cinemas parceiros.


SINOPSE:

Estudos dizem que o humano que vai viver 150 anos já nasceu. Mas o que estamos de fato fazendo com essa oportunidade? "Quantos dias. Quantas noites", novo documentário da Maria Farinha Filmes (“Aruanas”, “Começo da Vida”) dirigido por Cacau Rhoden (“Nunca Me Sonharam”, “Tarja Branca”), realiza um profundo mergulho nos propósitos da nossa existência no planeta. Especialistas e pensadores nos convidam a enxergar as oportunidades e as desigualdades nesse tema, além da nossa própria conexão com o tempo e com a idade. Com a participação de Alexandre Kalache, Sueli Carneiro, Ana Claudia Arantes, Mona Rikumbi, Ana Michelle Soares, Tom Almeida, Mórris Litvák e Alexandre Silva, o filme traz à tona uma investigação essencial no nosso século: a revolução da longevidade já começou, e veio para transformar o futuro de todas as gerações.


8 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page